Ao participar da próxima edição da Feira de Antiquidades do Centro Comercial Gilberto Salomão (SHIS, QI 5 – Lago Sul, Brasília, DF), no próximo fim de semana (29 e 30 de abril de 2017), Perez & Prado apresentará uma exposição de móveis, objetos de arte e decorativos em estilo Art-Déco (1925-1940). Vale lembrar que, embora o movimento estético tenha surgido por volta de 1920, sua apresentação oficial ao público deu-se por ocasião da Exposição Internacional de Artes Decorativas e Industriais Modernas, de onde resultou sua designação, uma abreviatura de “arts décoratifs”, realizada em Paris, de abril a outubro de 1925.

Em resumo, suas principais características eram, em contraposição à proposta estética anterior, ou seja, o Art Nouveau, 1) simplicidade, elegância e requinte, através  da utilização de cores discretas, traços sintéticos e formas estilizadas ou geométricas (influência do Cubismo);  2) exotismo, inspirado no minimalismo asiático, em povos da antiguidade, pré-colombianos e africanos: 3) utilização de materiais nobres, como  ouro,  prata,  bronze,  marfim,  mármore e laca,  bem como industrializados, mais accessíveis, como  baquelite,  compensado de madeira e  betão armado, além de madeiras com veios mais acentuados, como  o ébano macassar e  raízes, como as do mogno e da nogueira.

O estilo influenciou as artes plásticas, decorativas e gráficas, a arquitetura  (incorporou princípios da Bauhaus),  a moda e o cinema (v. figurinos e cenários de época em Hollywood) e foi adotado por artistas e artesãos como Le Corbusier, que publicou uma série de artigos, “Expo 1925 – Arts Déco”, em sua revista “L’Esprit Nouveau”, René Lalique e Jacques-Émile Ruhlmann, entre outros.  No Brasil, os principais acervos do movimento se encontram no Rio de Janeiro (o Cristo Redentor que equivale ao “Empire State Building”, em Nova York), em São Paulo e em Goiânia (v. o circuito Art-Déco da cidade, projetada em 1933), contando entre seus expoentes com Victor Brecheret (Monumento às Bandeiras, SP) e Vicente do Rego Monteiro.

Venha conferir e apreciar as características do estilo nas peças ora apresenatadas por Perez & Prado Antiquários, na Feira de Antiquidades do Gilberto Salomão.